Google+ Followers

quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Parábola das Dez Virgens



Ficheiro:Francken, Hieronymus the Younger - Parable of the Wise and Foolish Virgins - c. 1616.jpg



´´Então o reino dos céus será semelhante a dez virgens que, tomando as suas lâmpadas, saíram ao encontro do esposo.
E cinco delas eram prudentes, e cinco loucas.
As loucas, tomando as suas lâmpadas, não levaram azeite consigo.
Mas as prudentes levaram azeite em suas vasilhas, com as suas lâmpadas.
E, tardando o esposo, tosquenejaram todas, e adormeceram.
Mas à meia-noite ouviu-se um clamor: Aí vem o esposo, saí-lhe ao encontro.
Então todas aquelas virgens se levantaram, e prepararam as suas lâmpadas.
E as loucas disseram às prudentes: Dai-nos do vosso azeite, porque as nossas lâmpadas se apagam.
Mas as prudentes responderam, dizendo: Não seja caso que nos falte a nós e a vós, ide antes aos que o vendem, e comprai-o para vós.
E, tendo elas ido comprá-lo, chegou o esposo, e as que estavam preparadas entraram com ele para as bodas, e fechou-se a porta.
E depois chegaram também as outras virgens, dizendo: Senhor, Senhor, abre-nos.
E ele, respondendo, disse: Em verdade vos digo que vos não conheço.
Vigiai, pois, porque não sabeis o dia nem a hora em que o Filho do homem há de vir.``
(Mateus 25:1-13)


 
Esta parábola é ensinada por Jesus durante o célebre Sermão Profético, no qual o Grande Mestre fala para os seus Apóstolos sobre os sinais para se reconhecer o fim dos tempos. Entre tantos ensinamentos ele defende a constante vigilância e perseverança no seu Evangelho, já que mesmo Jesus ensinando os sinais de sua volta, não se sabe com exatidão a data que isto ocorrerá:``Mas daquele dia e hora ninguém sabe, nem os anjos do céu, mas unicamente meu Pai.``(Mateus 24:36)  Além disso, suas palavras guardam ensinamentos profundos através da simbologia hebráica para a época. Em vários textos do Velho Testamento encontramos os Profetas(apartir de Oséias) se referindo como meretriz, adultério, e prostituição todas as pessoas, povos e cidades que não amavam a Deus sobre todas as coisas, sendo estes considerados idólatras, e até mesmo o povo de Israel foi considerado em idolatria em certos períodos de sua história, já pelo contrário as pessoas que colocavam Deus acima de tudo eram consideradas ´´virgens, puras``, porque neste caso a pureza esta no coração, e não no sexo, podendo ser puro e ter Fé unicamente em um só Deus tanto homens como mulheres(na parábola simbolizada pelas Virgens). Com isso entendemos que no fim dos tempos, Jesus que é considerado o noivo que retornará, e se casará com as pessoas que seguirem os ensinamentos de Deus:´´ Amar a Deus sobre todas as coisas, e ao próximo como a se mesmo``(Lucas 10:27). Mas nos exorta Cristo Jesus que mesmo estes crentes devem ficar vigilantes e perseverar no Amor, na fé, na humildade, na misericórdia, na indulgência, e em todos os tesouros do coração descrito por Jesus. Que na parábola (estes tesouros) são representados pelo azeite, que é capaz  acender as lamparinas e iluminar o mundo mesmo na hora da escuridão(os dias da tribulação),e essas pessoas com as lâmpadas acesas são as que vivem preenchidas  pelo Espírito Santo, que Jesus chamou de Luz do mundo (Mateus 5:14). E por fim nos ensina Cristo Jesus, que ninguém pode dar sua ´´luz``(seus tesouros do coração) para as outras pessoas, cabendo a cada um desenvolver e fortificar o coração no Amor Cristão, na Fé e todas as riquezas celestiais agradáveis a Deus, e desta maneira criar uma vida de comunhão com Deus.  Por isso, meus irmãos, sigamos aquele que é ´´o caminho, a verdade e a vida``(João 14:6), sem fraquejar nossa Fé, para que no dia do juízo, não sejamos como as virgens loucas, e possamos participar das ´´bodas`` no reino dos Céus! Amém!