Google+ Followers

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

A cura de um paralítico em Cafarnaum. Mateus 9:1-8 Marcos 2:1-12 Lucas 5:17-26


 
 
 
 
 


E alguns dias depois entrou outra vez em Cafarnaum, e soube-se que estava em casa.
E logo se ajuntaram tantos, que nem ainda nos lugares junto à porta cabiam; e anunciava-lhes a palavra.
E vieram ter com ele conduzindo um paralítico, trazido por quatro.
E, não podendo aproximar-se dele, por causa da multidão, descobriram o telhado onde estava, e, fazendo um buraco, baixaram o leito em que jazia o paralítico.
E Jesus, vendo a fé deles, disse ao paralítico: Filho, perdoados estão os teus pecados.
E estavam ali assentados alguns dos escribas, que arrazoavam em seus corações, dizendo:
Por que diz este assim blasfêmias? Quem pode perdoar pecados, senão Deus?
E Jesus, conhecendo logo em seu espírito que assim arrazoavam entre si, lhes disse: Por que arrazoais sobre estas coisas em vossos corações?
Qual é mais fácil? dizer ao paralítico: Estão perdoados os teus pecados; ou dizer-lhe: Levanta-te, e toma o teu leito, e anda?
Ora, para que saibais que o Filho do homem tem na terra poder para perdoar pecados (disse ao paralítico),
A ti te digo: Levanta-te, toma o teu leito, e vai para tua casa.
E levantou-se e, tomando logo o leito, saiu em presença de todos, de sorte que todos se admiraram e glorificaram a Deus, dizendo: Nunca tal vimos.
(Marcos 2:1-12)




Para comemorarmos 1º ano do blog, estamos disponibilizando em Podcast o presente estudo e reflexâo sobre os ensinos, milagres , parábolas e a vida do nosso Salvador Cristo Jesus. Com a finalidade de facilitar o estudo para as pessoas que tem dificuldade de leitura, algumas das nossas reflexões sobre a Boa Nova serão gravados em áudio. Desculpem-me a qualidade desta nossa primeira postagem, estamos nos instrumentalizando para oferecer uma melhor qualidade de som nas futuras postagens! Mesmo com todas as dificuldades estamos felizes por poder lançar o POD AMAR , o podcast que fala de Jesus! Um grande abraço a todos!








Mais uma linda passagem da vida de Jesus, onde o Mestre dos mestres além de fazer um milagre, uma cura maravilhosa, que até mesmo hoje nossa ciência médica não tem condições de explicar, nos dá também o Cristo um lição inesquecível sobre perdão e misericórdia de Deus.
Os fariseus e mestres da lei de Israel eram acostumados a pregar, ensinar e ler das Sagradas Escrituras que Deus era vingativo, punitivo e muito Severo, e por isso chamado de Senhor dos exércitos, mas Cristo Jesus nos apresenta um Criador do universo como fonte inesgotável de amor, perdão e misericórdia, por isso nos ensinou a chamá-lo de Pai. Mas a cultura daqueles homens estavam preocupada em realizar holocaustos, cumprir rituais, e não perdoar e se reconciliar com  os irmãos principalmente os advesários, por isso para eles pareceu blasfêmia sobre a lei de Deus, quando Jesus reestabelece o ânimo do doente dizendo-lhe que os pecados foram perdoados, mostrando um Pai cheio de misericórdia e amor, pronto para receber qualquer filho. Mas com esta doutrina que só Deus pode perdoar, muitos irmãos carregam por muito tempo sentimentos de mágoa, rancor, e ódio por até uma vida inteira, o que quase sempre vai minando a saúde física e psíquica levando a diversas doenças e paralisia espiritual. Mas como nosso Cristo conhecia os corações daqueles homens, questionou-lhes: Que é mais fácil? Dizer ao paralítico, estão perdoados os teus pecados, ou dizer: Levanta-te toma teu leito e anda? Mostrou assim o Mestre a hipocrisia que se escondia naqueles corações. Porque se Ele tivesse simplesmente curado o doente, os farizeus de nada se escandalizariam, e até glorificariam a Deus e Jesus, mas como a postura de Cristo era de tirar o peso que o homem e sua família carregava, já que ser doente, aleijado, cego ou leproso naquela sociedade era motivo de vergonha, de desonra e impureza.
Por isso, meus irmãos em Cristo, reflitamos com os preciosos ensinamentos que Deus nos deu pelo seu Filho Primogênito, não esperemos pra buscar a Deus só pra ver sinais e milagres, não sejamos aqueles que não querem fazer o trabalho que Deus nos confiou, preferindo soluções fáceis e que Deus faça tudo.
Para maiores reflexões convidamos para ouvirem o áudio, e comentarem sobre a nova proposta de postagem em áudio, grande abraço a todos e fiquem sempre com Deus! Amém!